Sugestão do chef - Farta Brutos, Lisboa
Sugestão do chef - Farta Brutos, Lisboa
Sugestão do chef - Farta Brutos, Lisboa
Sugestão do chef - Farta Brutos, Lisboa
Vista da sala - Farta Brutos, Lisboa
Vista da sala - Farta Brutos, Lisboa
Sugestão do chef - Farta Brutos, Lisboa
Sugestão do chef - Farta Brutos, Lisboa
Sugestão do chef - Farta Brutos, Lisboa
Sugestão do chef - Farta Brutos, Lisboa
Sugestão do chef - Farta Brutos, Lisboa

Farta Brutos

8,7/10
Preço médio 25 €
142 avaliações

Ementa do restaurante

Recomendações do Chef

Preço médio 25 € Pedido especial
Ver Ementa e Menus

Classificações e avaliações

8,7/10
Excelente mesa
com base em 142 avaliações
  1. Aecio G.
    • 2 avaliações
    10/10

    Uma comida excelente,com ótimo atendimento,comemos uma alheira perfeita,o bacalhau à farta brutos estava perfeito,de sobremesa salada de laranja com um creme griles,delicioso.Esse restaurante e um achado!!!!

  2. André A.
    • 37 avaliações
    10/10

    Excelente serviço. Bom para quem não gosta de locais com muito barulho. Excelente confecção dos pratos. Local visitado há muitos anos e para continuar

  3. José M.
    • 82 avaliações
    10/10

    Tudo muito bom Cataplana de marisco farta e bruta sobremesa de laranja, um espanto Acolhedor Restaurante com muita história Voltarei DE CERTEZA

  4. Joana M.
    • uma avaliação
    10/10

    O Farta Brutos é um Restaurante clássico centenário de Lisboa , tenho a certeza que ira continuar a ser . A excelência da comida o atendimento cuidado faz deste espaço histórico um oásis no Bairro Alto . Aqui respira se comida Tradicional e séria sem truques para agradar a turistas .E ainda por cima pude ver a Famosa mesa onde José Saramago fazia as suas refeições quase diárias as suas fotos e escritos , aliás as paredes estão forradas de fotos de momentos de alegria de gente famosa de todo o mundo ! Parabéns por manterem este espaço lisboeta tão autêntico.

  5. Camila A.
    • 18 avaliações
    9/10

    Um clássico sempre.

  6. Luis M.
    • 19 avaliações
    8/10

    Mais conhecido por Tavares Pobre, o icónico " Farta Brutos " remonta a 1904. Hoje com a morte do se proprietário perdeu algum brilho. Outrora foi ponto de encontro de artistas e escritores. Como espaço mantem-se agradável tem um excelente atendimento e a ementa é mesmo tradicionalmente portuguesa. Mas- não há bela sem senão. As doses são pequenas e mal servidas. O preço no que toca a vinhos engarrafados tem custos exageradíssimo. A lista podia ser mais variada. A merecer aplauso os peixinhos da Horta e o Arroz de pato. Vou regressar para saborear outros pratos .

  7. José J.
    • 47 avaliações
    8/10

    Brutos quem? Nós? (Almoço em 2019/02/01) Após anos a ouvir falar deste nome e a passar a esta porta, por uma razão ou por outra, nunca tínhamos tido oportunidade de entrar. Provámos as Sardinhas de escabeche, as Pataniscas à Saramago e a Açorda de Marisco. Uma vez que as gulodices não atraíram, solicitámos queijo para o encerramento, tanto que ainda sobrara algum Herdade dos Grous tinto. Não havendo oferta nessa área, tivemos que optar por finalizar com uma entrada, um Queijo derretido, temperado com orégãos, ainda que se estranhasse não o servirem sem ser nesse preparo. Nada do que comemos brilhou ao mais alto nível, mas também não podemos dizer que não foi bom. Tal como quanto à comida, também não podemos dizer que o serviço, sem ser fantástico, não tenha sido agradável. Em jeito de conclusão, vamos dar nova oportunidade ao Farta Brutos, até porque, na ementa, ficaram imensos outros petiscos por provar, daqueles de fazer crescer água na boca.

  8. Inês M.
    • 7 avaliações
    10/10

    As melhores pataniscas que já comi, acompanhadas de um ótimo arroz de tomate E o crepe de sapateira também delicioso Um restaurante a voltar muitas vezes com certeza Tudo 5 estrelas

  9. Isabel O.
    • 3 avaliações
    8,5/10

    Somente a destacar como aspeto negativo o preço inflacionado dos vinhos.

  10. Eugenio V.
    • 7 avaliações
    9/10

    Muito agradável Comida tradicional muito bem confecionaria Continua ao longo dos anos uma excelente referência no Bairro Alto

  11. Ferreira Jorge P.
    • 27 avaliações
    7/10

    Íamos com expectativa ao Farta Brutos, e podemos dizer que cumpre sem deslumbrar. Os pratos estavam bem confeccionados e vê-se que são feitos na hora (daí alguma demora na apresentação dos pratos). Os peixinhos da Horta estavam óptimos e as pataniscas de bacalhau soberbas. Tanto o arroz de tomate (um pouco atomatado de mais), como os Rins cumpriam.

  12. Ivan D.
    • 3 avaliações
    10/10

    Ora cá está um verdadeiro oásis da comida tradicional portuguesa à entrada do Bairro na Travessa da Espera. Numa época de chefs pomposos e estrelas dadas por marcas de pneus o Farta Brutos é de tal maneira extraordinário que é lesa pátria não estar a abarrotar da manhã à noite! Fiquei-me por um arroz de línguas de bacalhau e uns peixinhos da horta. Regados por um vinho simpático e em conta foi uma viagem pela comida da avó em terras minhotas. Adorável e repetível porque aquelas lulas recheadas e aqueles fígados de aves que foram para a mesa ao lado serão em breve alvo da minha ira (e da minha gula). Um festim! Quando já me queria levantar o papo de anjos com o doce de ovos agarrou-me de novo à mesa acompanhados de um desconhecido para mim Vinho Generoso de Carcavelos! Tramei-me! E com o Saramago e o Cardoso Pires a verem! Enfim! Acontece nas melhores famílias e pelo exemplo em anexo tramar-me-ei mais vezes! Vivó Farta Brutos!

  13. José B.
    • 35 avaliações
    6,5/10

    Pedi o coelho com açorda. Esta última estava bem, o coelho não era fresco, estava requentado e cheio de óleo. Fiz um reparo e ninguém ligou. Ngm uma palavra-chave indiferença total. Uma desilusão...

  14. Manuel M.
    • 4 avaliações
    10/10

    Excelente qualidade na refeição e no serviço. Recomendo vivamente. A repetir.

  15. Paulo A.
    • uma avaliação
    10/10

    Comida feita com arte.

  16. Ritinha S.
    • uma avaliação
    10/10

    Ambiente familiar, acolhedor. Os funcionários sempre atentos e muito simpáticos. Comida portuguesa bem confeccionada. Recomendo sem dúvida. Foi uma boa experiência. 5 estrelas ⭐

  17. Paulo A.
    • uma avaliação
    10/10

    Excellent food

  18. Evandro B.
    • uma avaliação
    10/10

    Sensacional!!!! Por sorte ficamos na melhor mesa da casa . Muito bem servido e com ótima comida . Esperando a próxima vinda a Lisboa pra podermos repetir!!!!

  19. Marco C.
    • 5 avaliações
    9/10

    Excelente atendimento, menu com pratos da tradicional cozinha portuguesa, ambiente acolhedor.

  20. Dani B.
    • 10 avaliações
    9/10

    Muito agradável! Serviço ótimo, recomendo!

Promoções do TheFork

-30% sobre a ementa!

Exceto menus e bebidas. Disponível no horário selecionado.

-30% sobre a ementa!

Exceto menus e bebidas. Disponível no horário selecionado.

Informações práticas

Hora de abertura

Almoço:

Segunda a Sábado das 12:30 às 15:00

Jantar:

Segunda a Sábado das 19:30 às 23:00

Hora de fecho

Encerra ao Domingo

Como chegar ao restaurante

Tv. da Espera 16 a 20, 1200-241, Lisboa, Portugal

Transportes públicos

Metro: Baixa-Chiado (Azul e Verde)

Indicações de como chegar

Bairro Alto e Príncipe Real, Baixa, Chiado

Características

Serviços

American Express, , Cartão Visa,

O restaurante pode ser privatizado (Máximo de 6 pessoas)

Aberto até tarde, , , , Permite eventos privados, Wi-Fi

Restaurantes perto de "Farta Brutos"

  • Preço médio: 17 €

    Pontuação:9.1 (259 avaliações)

  • Preço médio: 15 €

    Pontuação:7.1 (76 avaliações)

  • Preço médio: 15 €

    Pontuação:8.5 (23 avaliações)

  • Preço médio: 13 €

    Pontuação:7.2 (249 avaliações)

  • Preço médio: 20 €

    Pontuação:8.7 (106 avaliações)

  • Preço médio: 20 €

    Pontuação:8 (68 avaliações)

  • Insider
    DesNorte

    Preço médio: 26 €

    Pontuação:9.2 (1 595 avaliações)

  • Preço médio: 20 €

    Pontuação:9.2 (32 avaliações)

  • Preço médio: 15 €

    Pontuação:8.4 (1 006 avaliações)

  • Preço médio: 25 €

    Pontuação:8.9 (297 avaliações)

Serviço gratuito – disponibilidade confirmada de imediato.